Amazon MP3 Clips

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Sexo ilícito e a Igreja


Como a igreja deve agir quando pecados sexuais acontecerem entre seus membros? Ou como as igrejas estão agindo quanto a isto?
Na verdade existem igrejas que fazem vista grossa para este e outros tipos de atos pecaminosos. Muitas não condenam abertamente a fornicação por que perderia muitos de seus jovens. Com certeza isto envergonha o nome do Senhor Jesus Cristo. A igreja não existe para agradar os homens, muito menos para passar a mão sobre o pecado como se ele fosse uma coisa boa. A Bíblia ensina que o pecado deve ser corrigido e abandonado, e que os ofensores devem ser disciplinados. As igrejas mais conservadores desligam do seu rol de membros o casal em pecado. Outras usam de uma disciplina mais amena, afastando-os de suas funções por certo tempo, onde eles receberam acompanhamento de um casal, aos quais deveram prestar contas e obedecer regras impostas pelos seus próprios pais e pela igreja. Qual destas é a melhor maneira de tratar pecado sexuais na igreja? Bem, a discussão vai longe, mas, o apóstolo Paulo foi severo ao tratar de um caso semelhante na igreja de Corinto. Veja I Co. Capítulo 5, aqui Paulo afirma que quem pratica pecados sexuais ilícitos devem ser tirados do meio da igreja vs.2,11. A igreja tem o poder de julgar os seus e tomar decisões que lhe aprouverem, independente do nosso ponto de vista quanto a melhor maneira de tratar destes assuntos. Creio que nesta hora o Espírito Santo orienta a igreja no que fazer. A verdade é que o pecado tem que ser abandonado.
Nosso maior desejo é que os jovens, maridos e esposas, procurem ser fiéis ao Senhor com toda a força de suas vidas, para que a igreja do Senhor triunfo sobre as astutas ciladas do diabo.
“Como purificara o jovem o seu caminho? Observando-o conforme a tua palavra” salmo 119:9.

Nenhum comentário: